Monday, July 1, 2013

Ambrosini, Bojan, Flamini e Yepes deixaram o Milan

Contrato do quarteto acaba neste primeiro de julho; volante francês foi o único procurado para renovação, mas esbarra no alto salário pedido


No dia da abertura oficial da janela de transferências europeia, o Milan perdeu três jogadores: o volante Mathieu Flamini, o zagueiro Mario Yepes e o capitão Massimo Ambrosini. O contrato do trio se encerra neste primeiro de julho, e apenas o francês foi procurado pela diretoria. O atacante Bojan Krick também não pertence mais ao elenco do clube.
Flamini chegou ao Milan em 2008, vindo do Arsenal. Dono de um alto salário, teve as lesões prejudicando sua sequência no rossonero. Seu melhor momento foi no fim da temporada passada, onde assumiu a titularidade e foi importante na briga pela Champions League. O Milan já sinalizou que gostaria de manter Mathieu, e até fez uma proposta para continuar com o camisa 16: Flamini, porém, não parece disposto a aceitar uma redução salarial, e pode deixar o clube.
Yepe, de 37 anos, veio para o rossonero em 2010, vindo do Chievo. Nunca foi titular absoluto, mas jogava com frequência, devido as lesões e suspensões dos defensores do Milan. Com uma intensa proposta de renovação, o clube decidiu não continuar a contar com o futebol do zagueiro colombiano. Yepes, que teve passagens marcantes por River Plate e PSG, tem propostas para seguir no futebol italiano, mas afirmou que pode voltar a jogar em seu país para encerrar a carreira.
O caso que mais comove os torcedores é o de Ambrosini. Atual capitão do elenco, o camisa 23 deixa o San Siro após 18 anos. Massimo foi contratado em 1995, vindo do Cesena. Com poucas chances, foi emprestado ao Vicenza, mas voltou em 98 e nunca mais saiu do time de Milão. Foram 489 jogos, 36 gols e 12 títulos conquistados com a camisa rossonera. Ambrosini e o Milan tiveram uma rescisão de contrato amigável, e a imprensa italiana especula que o jogador tem propostas de Fiorentina, Fulham e do futebol americano.
Além do trio, quem deixa o Milan é o atacante Bojan Krick. O jogador até chegou a fazer boas partidas no começo da temporada, quando tentou atuar pelo meio campo, mas não convenceu a diretoria rossonera de que merecia ter seu contrato de empréstimo renovado. Bojan volta ao Barcelona, e deve ser emprestado novamente.

No comments:

Post a Comment

Post a Comment